Mochilão de primeira viagem – Europa no Inverno

“Nossa, Mari, você por aqui…”

Pois é. Se você já me acompanha, peço desculpas pelo sumiço (mas prometi a mim mesma que desse espaço não largo nem tão cedo). Mas, caso você chegou por ter buscado dicas de mochilão pela Europa, seja muito bem-vindo (a) e parabéns pelo bom gosto por escolher o Velho Continente para passar uns dias e curtir o inverno por lá – isso se você for em breve.

Para começar, vou fazer algumas perguntas. Você quer muito fazer um mochilão, certo? E se é mochilão é porque, além da liberdade, você quer como 90% dos viajantes, dicas boas, bonitas e baratas pra não cair em roubadas?

Então, segue um roteirinho de 15 dias e seis países a serem visitados, com as cidades tanto incríveis quanto democráticas para a sua primeira trip europeia.

Dia 1 – Chegada de Londres: talvez seja a cidade mais organizada para descer do aeroporto e pegar outro voo, chegar à estação de trem e de ônibus para seguir viagem. Não que as capitais dos outros países sejam ruins, mas dessa tenho conhecimento de causa. Fora o jeito inglês de esbanjar gentileza e, se você manjar um pouquinho da língua, melhor ainda. Dica: siga viagem e deixe pra conhecer a Terra da Rainha na volta.

Dia 2 – Paris. Você pode ir de avião, trem e ônibus. Esse último quando chega no Canal da Mancha a gente vai de ferry e depois pega a estrada outra vez. Mas claro, prefira avião ou trem! Chegando mais rápido, dá pra aproveitar bem e já conhecer os destinos principais.

London Eye

Londres é um dos melhores pontos de partida para seu mochilão

Dia 3 – Mais Paris!

Dia 4 – Um pouquinho de Paris, que nunca é demais – só indo pra lá pra saber – e preparando a noite pra pegar o bonde até os Alpes Suiços.

Dia 5 – Visitando os Alpes, a dica é a montanha Jungfrau, à noite é seguir rumo a Viena.

Dia 6 – Viena

Dia 7 – Viena e seguindo à noite para Munique, Alemanha.

Dia 8 – Munique e seguir para Berlim.

Dia 9 – Berlim

Dia 10 – Berlim e seguindo para Amsterdã

Dia 11 – Amsterdã

Vamo ali_ canais de amsterdã

Canais de Amsterdã, destino imperdível para quem faz a primeira trip pelo Velho Continente

Dia 12 – Amsterdã e rumo à Londres.

Dia 13 – Londres

Dia 14 – Londres de novo, claro

Dia 15 – Dia de dar “goodbye”a Londres e voltar para o Brasil.

Agora considerações finais…

Tá com uma graninha a mais e tempo? Estique o roteiro para dois ou três dias e não deixe de conhecer Brugges, na Bélgica, e Salzburgo, na Áustria.

De trem é melhor? Bem melhor! Principalmente se combinar com passes. Mas conto depois o processo.

Média de uma viagem saindo de São Paulo ou Rio até a capital inglesa? Umas 15 horas contando escalas e conexões.

A vantagem de ir e voltar da mesma cidade é que fica mais barato, apesar de você se cansar mais um poquinho. mas fazer o quê? No pain, no gain!

Valores? Bom, não sou profeta do amanhã, porém estou aqui pra ajudar. Quanto às passagens de avião e passes de trem eu não posso estabelecer uma quantia, até porque preço de transporte é algo que oscila bastante. Agora, vai por mim. Média de 1.200 euros para hospedagem – claro que estou falando de hostels – e demais despesas com refeições e passeios.Ah, e nunca nunca esqueça de fazer seguro de saúde na viagem!

Pouco? Talvez, mas entenda que seu objetivo é agregar bons momentos e não acúmulo de coisas e informações. É vida real nas “Zoropa”, nêgo! Esquema mochila, pé-no-chão, sacou?!

Bom, esse é o roteiro seco, afinal de contas é apenas a dica de destino. Elaborar o roteiro minucioso eu vou fazendo isso cidade por cidade.

E aí, vamo ali mochilar?

Anúncios